Posts Populares

Blogger news

Estou Lendo...

Quem Pensa Enriquece
O Caderno H
Nada é Por Acaso
Meu Skoob
Tecnologia do Blogger.

Quem sou eu

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Apaixonada pela língua portuguesa, livros, música e culinária. Queria cursar letras, mas acabei entrando na faculdade de informática, área em que trabalho até hoje.

Seguidores

terça-feira, 27 de maio de 2014


Estou inclinada a acreditar que sim. 


Incrível, pois, para algumas pessoas, tudo o que não saiu como desejado é porque “elas sofreram preconceito”. Seja pela sua raça, cor de pele ou opção sexual.


Esses dias conversando com uma amiga, ela me deu o seguinte exemplo:


Duas pessoas disputando uma vaga de trabalho:


Um branco, com um currículo impecável. E um negro com um currículo não tão bom assim. 

Se a empresa selecionar o branco, o negro pode muito bem alegar preconceito por parte da empresa por não ter sido selecionado. Isto nada mais é do que um julgamento, sem sentido e ridículo. Pois a pessoa não procura saber o real motivo. Às vezes até sabe, mas nega-se a acreditar, pois é mais fácil se fazer de vítima das circunstâncias, das pessoas, do racismo.


E assim a "vítima de preconceito" se mostra tão (ou mais) preconceituosa do que o seu “opressor”, neste caso inexistente.


E você, homem, se diz preferir as loiras em vez das ruivas, é acusado de ser racista e preconceituoso? Não, né? Mas experimente dizer em público que prefere loiras em vez de negras... Na maioria das vezes tem alguém pronto pra te chamar de racista!


Mas por que isso acontece? Já ouviram falar em Dogmatismo?


Dogmatismo é uma tendência para acreditar que o mundo é da maneira que aprendemos. É uma atitude natural e espontânea temos desde criança. Os dogmas expressam verdades talvez não certas, indubitáveis e não sujeitas a qualquer tipo de revisão ou crítica.


Portanto, creio eu, que essas pessoas foram “ensinadas” a pensar desta forma, foram condicionadas, por seus pais, avós e demais familiares a ter uma visão dos mundo de acordo com experiências passadas por seus antepassados.


Assim também pessoas preconceituosas sofrem de dogmatismo. Digo sofrem, pois considero isso uma forma de doença. Geralmente os preconceituosos foram condicionados a se considerar superiores e têm isso como verdade absoluta, perseguindo, oprimindo, maltratando e, até mesmo, assassinando pessoas consideradas inferiores. 


Nos dois casos, cabe à própria pessoa enxergar as outras verdades, os outros caminhos, aprender a pensar por si só, deixar de lado preconceitos herdados, pensamentos pré determinados.


Bem, estou escrevendo sobre isso porque há alguns dias fui, injustamente, acusada de ser preconceituosa, porque não agi da forma como certas pessoas consideravam ser a correta. Sem nem ao menos procurar saber o motivo das coisas. O que provavelmente ocasionou uma tentativa de manipular terceiros, a fim de fazer valer a sua verdade absoluta.


Se eu tenho preconceito? Só se for contra a falta de caráter e a capacidade das pessoas nos julgarem sem nos conhecer ou desconhecendo os fatos e motivos que nos levaram a agir de uma ou outra forma.


Preconceito é algo muito feio, tanto quanto acusar alguém sem provas, sem certezas!

Você que chegou até aqui, qual a sua opinião? 
Pessoas que sofrem preconceito também são preconceituosas? 











0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget